Home Qualidade de Vida Recuperando os movimentos com a água aquecida

Recuperando os movimentos com a água aquecida

4 min leitura
0
0

Três pessoas sofrem um acidente vascular cerebral (AVC) por hora no Brasil.

O derrame cerebral, como também é conhecido esse problema de saúde, se caracteriza pelo entupimento (AVC isquêmico) ou rompimento (AVC hemorrágico) dos vasos que levam sangue ao cérebro.

As consequências são perda de força, equilíbrio e tônus muscular que resultam em dificuldade ou perda da movimentação de diferentes partes do corpo e, até, a morte.

Segundo o fisioterapeuta Rogério Celso Ferreira, diretor clínico da Fisior Hidroterapia, não é todo acidente que deixa sequelas e algumas podem ser revertidas depois de algum tempo. Por isso, o diagnostico rápido da doença é muito importante para o aumento das chances de retroceder o quadro e o paciente não ter sequelas.

Para quem sofreu um AVC e quer amenizar ou reverter as ‘marcas’ deixadas, a fisioterapia aquática é uma grande aliada.

“A hidroterapia é uma especialidade da fisioterapia que se baseia nos princípios mecânicos e térmicos da água aquecida de uma piscina terapêutica.

Os efeitos da imersão corporal associados aos exercícios fisioterápicos provocam diversos estímulos, ativando o sistema imunológico, melhorando a circulação e diminuindo a sensação dolorosa”, explica o fisioterapeuta, que é referência em Minas Gerais em hidroterapia.

Rogério Celso afirma que a água proporciona um efeito calmante e relaxante, além de facilitar a execução das atividades com mais segurança e eficiência. “O efeito da flutuação e o alívio da força da gravidade compensam a típica fraqueza muscular.

O fato de ter que vencer a resistência da água faz com que o paciente exercite os músculos debilitados. Tudo isso sem forçar as articulações.

Para os pacientes que estão em cadeira de rodas, a fisioterapia aquática contribui para a autoestima, uma vez que dentro da água ele tem certa liberdade de movimentação”, reforça o especialista.

Entre outros benefícios da hidroterapia estão melhora da consciência corporal, recuperação do tônus muscular, aumento da força, resistência, flexibilidade, equilíbrio e condicionamento cardiorrespiratório e vascular.

 

Fisior Hidroterapia – Rogério Celso Ferreira e Ana Paula Oliveira
Rua Padre Marinho, 15, Santa Efigênia, Belo Horizonte (MG)
(31) 3055-3555

 

Achados


Comentário(s)

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais em Qualidade de Vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira também

Osteoporose: a falta de cálcio

Silenciosa, a osteoporose atinge cerca de dez milhões de brasileiros, sendo as mulheres as…