Home Bem-estar Saúde Psicologia Startup brasileira cria tabela periódica de transtornos emocionais

Startup brasileira cria tabela periódica de transtornos emocionais

3 min de leitura
0
1

E-book informa público sobre saúde mental de forma didática e acessível

Com o objetivo de informar a população sobre a importância da saúde mental, a Vittude, plataforma que conecta pacientes a psicólogos, lançou recentemente um e-book apresentando diversos transtornos emocionais.

Em formato de tabela periódica, o material apresenta 56 transtornos emocionais separados por tipos como: transtornos de ansiedade, obsessivos, alimentares, de personalidade, parafílicos, depressivos e de humor, entre outros.

Ao clicar em cada “elemento”, a pessoa é direcionada para a página do transtorno, que contém informações sobre estatísticas, sintomas, tratamento e indicações de como ajudar uma pessoa com o problema.

Navegando pela tabela é possível entender diversos transtornos pouco conhecidos pela população.

A Vittude também possui um blog onde divulga conteúdos sobre diversos temas dentro da psicologia, como psicoterapia, neuropsicologia, psicologia infantil, relacionamentos, bem-estar, distúrbios, fobias, estresse, ansiedade, depressão e muitos outros.

O objetivo é o mesmo: ampliar o conhecimento da população sobre saúde mental.

Na plataforma da Vittude, os pacientes realizam seu cadastro em menos de 1 minuto, escolhem seu psicólogo de acordo com suas preferências de horário e localização e agendam sua sessão rapidamente.

Para conferir a tabela periódica dos transtornos mentais, clique aqui.

Para acessar a plataforma da Vittude, clique aqui.

Sobre a Vittude

A Vittude é uma plataforma pioneira no ramo de saúde mental que conecta psicólogos e pacientes em menos de 1 minuto. Criada em 2016 por Tatiana Pimenta e Everton Höpner, a startup foi acelerada pela Startup Farm, no início da sua operação. Já está presente em mais de 200 cidades brasileiras e recebe por volta de 620 mil visitantes únicos por mês.

 


Recomendados


Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Psicologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *