Home Consciência Os Sete Princípios da Huna – 3. MAKIA

Os Sete Princípios da Huna – 3. MAKIA

14 min de leitura
3
0

Esta é uma série de sete artigos baseados nos sete princípios havaianos de vida da tradição Huna.

Huna é um termo havaiano para “segredo”. Mas a sua aplicação prática o torna um método universal para o crescimento e realização que está longe de ser “psicologuês”. Esta série discute os 7 princípios da Huna os quais são:

IKE – O mundo é o que você pensa que é
KALA – Não existem limites, tudo é possível
MAKIA – A energia flui para onde a atenção vai
MANAWA – Agora é o momento de poder
ALOHA – Amar é ser feliz com
MANA – Todo o poder vem de dentro
PONO – Eficácia é a medida da verdade

Este é o terceiro artigo desta série seguindo os dois últimos artigos sobre os princípios Huna de IKE – “O mundo é o que você pensa que é” e KALA – “Não há limites, tudo é possível “. Não deixe de ler estes artigos, uma vez que posso me referir a eles. Também é bom entender o conteúdo de Ike e Kala para a compreensão princípio 3 – Makia ou “A energia flui para onde a atenção vai”.

Feito isso? Ok, vamos a ele …

3. Makia – A energia flui para onde a atenção vai

energia-makia

Tudo o que você gasta a maior parte de seu tempo pensando consciente ou inconscientente, irá crescer em sua realidade. Isso funciona no positivo, bem como para o lado negativo. Se você se concentrar a maior parte de sua atenção sobre por que as coisas não estão funcionando do jeito que você quer que funcione, então suas lutas vão crescer e se tornar mais concretas ao longo do tempo. Se não estão claros os seus objetivos e sua direção, então a imprecisão vai crescer dentro de sua vida.

Por isso ter claro o que você quer (e não o que você quer evitar) é essencial para criar as coisas neste mundo. É aí que o poder da visão tem lugar. Você precisa de uma visão para concentrar sua energia como um laser – caso contrário, a sua energia será espalhada (e, portanto, não terá poder). Pense sobre o que tem mais poder – um feixe de laser ou uma lâmpada.

Você sabia que toda vez que você se concentra e foca em algo por mais de alguns segundos você está realmente meditando? Meditação vem da raiz latina “med”, que significa “medir” – a mesma raiz que forma a palavra medicina. E sim, a meditação é um dos melhores medicamentos disponíveis. Mas com a nossa nova definição de meditação, você não tem que se sentar por horas e observar a respiração para meditar (não é uma má prática entretanto, pois há vários benefícios com a prática regular da meditação).

Você medita naturalmente várias vezes ao dia. Mas, infelizmente, muitas vezes, com um foco mau colocado. Toda forma de recordar memórias ruins é uma meditação – uma meditação sobre a falha, a falta, a tristeza e muito mais.

Você também pode chamá-la de hipnose – que é outro nome para um estado de atenção focada. E desde a introdução do conceito de meditação guiada as fronteiras entre hipnose e meditação tornaram-se muito estreitas.

Como a energia segue a atenção, não é uma questão de praticar meditação 1 hora por dia e, em seguida, não mudar o resto de seu foco, mas trata-se da soma ou da atitude geral que você tem em relação à vida.

Concentração reforçada funciona – o tempo todo

A concentração prolongada e o foco em um assunto canaliza a energia do universo, e o equivalente físico do seu objeto de meditação vai ter energia suficiente para crescer. Assim, em Huna sua experiência física é realmente um equivalente direto de seus padrões de pensamento predominantes.

Corolário: Atenção Segue Energia

Luzes brilhantes, objetos brilhantes e barulhos tudo chama a nossa atenção naturalmente. É a intensidade da energia que nos afeta mais. Qualquer vibração energética forte atrai nossas mentes (embora possa ser sutil como um cheiro). E é o mesmo com as pessoas que têm um forte campo energético e são melhor descritas como carismáticas.

Corolário: Tudo é energia

Este não é um fato novo para a ciência – mas as implicações são, todavia, deslumbrantes. Tudo é energia – que inclui todos os objetos materiais, mas também seus próprios pensamentos. Tudo está vibrando (e muitas vezes pode ser medido usando dispositivos elétricos, como um eletrocardiograma ou um eletroencefalograma).

Etapas de ação para Makia

  1. Para experimentar o poder da makia, escolha algo de que você não goste de fazer ou que se canse facilmente.
  2. Se é hora de fazer algum trabalho de declarar impostos ou preencher papéis que você odeia fazer, isso seria um excelente exercício.
  3. Defina um período de tempo de cerca de 30 minutos. Você pode usar um timer de cozinha para isso. Uma boa dica é usar a Técnica Pomodoro – e depois vá para 25 minutos. A ideia por trás disso é que o trabalho fracionado permite-lhe aumentar o seu foco tremendamente. E funciona – experimente.
  4. Durante esses 30 (ou 25) minutos, repetidamente, pergunte a si mesmo mentalmente as seguintes perguntas:
    • O que é engraçado sobre isso?
    • O que é fascinante sobre isso?
    • Como posso quebrar meu próprio recorde e fazer isso mais eficaz?
    • Como posso ter muita diversão ao fazê-lo?
  5. Coloque o ponto de sua atenção e consciência em seu objeto de foco.
  • Agora isso pode parecer complicado, mas é fácil de fazer – tente encontrar o local onde seu ponto de atenção está agora. Aponte para ele com o dedo. Você pode encontrá-lo em seu cérebro, ou estômago, ou em outro lugar. Sinta-o. Não há certo ou errado. Pergunte a si mesmo: “Onde está o meu ponto de atenção agora” e você receberá a sua resposta individual.
  • Depois de ter seu atual ponto de atenção, mova-o para a posição em que o seu trabalho está. Se você precisa fazer a papelada, então mova-o para a pilha de papéis. Experimente como a sua experiência muda ao você mover seu ponto de atenção.
  • Fique por alguns minutos neste local de atenção. Mais tarde, você pode experimentar com diferentes pontos de foco. Se você precisa digitar alguma coisa – você pode experimentar colocar a sua atenção no texto que está digitando, em suas mãos, um pouco atrás e acima da sua cabeça (esta é a posição em que na tradição judaica seria a posição do Kippah). Esta última posição é um grande ponto de atenção para estudar e ler.
  • Outra maneira de usar o seu ponto de consciência é ao levantar cargas pesadas. Tente colocar seu ponto de atenção na parte superior de uma carga pesada que você quer levantar e veja se isso faz diferença na experiência.

Depois de ter experimentado o poder do foco e atenção, então você deve perguntar-se regularmente: “Onde está o meu ponto de atenção agora”, “O que eu estou focando agora?” E “O meu foco me dá poder ou me incapacita agora?”

Traduzido e adaptado do post original de Patrick Stoeckmann do blog Unwrap Your Mind

 

Confira os 7 princípios da Huna:

IKE – O mundo é o que você pensa que é
KALA – Não existem limites, tudo é possível 
MAKIA – A energia flui para onde a atenção vai (este artigo)
MANAWA – Agora é o momento de poder
ALOHA – Amar é ser feliz com
MANA – Todo o poder vem de dentro
PONO – Eficácia é a medida da verdade


Recomendados


Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Consciência

3 Comments

  1. […] – O mundo é o que você pensa que é KALA – Não existem limites, tudo é possível MAKIA – A energia flui para onde a atenção vai MANAWA – Agora é o momento de poder ALOHA – Amar é ser feliz com MANA – Todo o poder vem de […]

    Reply

  2. […] é o que você pensa que é KALA – Não existem limites, tudo é possível (este artigo) MAKIA – A energia flui para onde a atenção vai MANAWA – Agora é o momento de poder ALOHA – Amar é ser feliz com MANA – Todo o […]

    Reply

  3. […] MAKIA – A energia flui para onde a atenção vai […]

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Os Sete Princípios da Huna – 7. PONO

Sétimo e último princípio da filosofia Huna: PONO - Seus meios devem estar sempre em alinh…