Home Bem-estar Feng Shui Um pouco de Feng Shui

Um pouco de Feng Shui

10 min de leitura
4
0

Estou relendo o livro Feng Shui: Harmonia dos Espaços de Nancy SantoPietro. É um ótimo começo para adentrar nesse vasto mundo do feng shui.

Compartilho com vocês alguns trechos que achei interessantes.

UM POUCO DE HISTÓRIA
Há milhares de anos, na China, as pessoas acreditavam que uma energia invisível chamada ch’i, oriunda do centro da terra, era responsável pelo modo como certos lugares prosperavam mais do que outros, sendo por conseguinte mais procurados e habitáveis.

Elas acreditavam que o ch’i era a poderosa força vital que existia dentro de todas as coisas, e que constituía o mais importante fator isolado a influenciar nossos corpos, para o melhor ou para o pior.

Eles também acreditavam que nossos corpos possuíam ch’i, e o fato de ele estar fluindo bem ou não iria determinar gozarmos de boa saúde e, consequentemente, de boa fortuna.

Igualmente, se o ch’i de um terreno estivesse desobstruído e fluindo bem, esse ambiente também iria atrair boa energia e, consequentemente, boas coisas.

Os fazendeiros acreditavam que o terreno dotado de um bom Feng Shui (que traduzido, significa “vento e água”) tinha por trás montanhas altas, para escudar do vento as plantações, e em frente dele, a água, para nutrir o solo e os plantios.

Com esses elementos apoiadores no lugar, uma família podia esperar uma boa safra de arroz; e uma boa safra de arroz levava a uma família bem alimentada, o que equivalia a uma família saudável. Uma abundante safra de arroz também levava a arroz excedente, que era vendido e contribuía para uma vida familiar próspera e feliz.

COMO FUNCIONA
O Feng Shui de nosso entorno cria, para o que der e vier, uma série de oportunidades que, em última análise, determinam e modelam a qualidade e a direção de nossas vidas. À medida que for começando a trabalhar com o Feng Shui, você ficará surpreso ao descobrir que já tem trabalhado com essa energia pela maior parte de sua vida.

O poder energético (ch’i) que existe em torno de nós, em nosso ambiente, também existe dentro de nós. Ele permeia e envolve todas as coisas vivas. O mesmo ch’i que determina uma safra potencialmente boa também influencia muitos fatores pessoais em nossas vidas. A força de nossa saúde, nosso nível de motivação, nossa habilidade em nos exprimir, em ser criativos, em abrir nossos corações, em estimular nosso intelecto, em gerar dinheiro, em atrair relações, tudo isso é influenciado pelo inexplicável poder do ch’i.

O ch’i é a força invisível que fui através de nós e determina a diferença entre o estar vivo e o estar morto. Ela toma órgãos como o coração, o cérebro, os pulmões, o fígado e as artérias, que de outra forma não funcionariam, e bombeia através deles uma força vital que os converte num ser vivo.

TUDO SE INTER-RELACIONA
Oito entre dez coisas em nossa vida não ocorrem do jeito que nós queremos. Todos iremos nos defrontar com diferentes problemas durante a existência. – Prof. Lin Yun

Há duas soluções básicas para a maioria dos problemas: a solução mundana e a transcendental. As duas são consideradas de igual importância, mas diferem amplamente em abordagem e eficiência. O Feng Shui é uma das transcendentais.

Compreender e trabalhar com os princípios do Feng Shui é a chave para se utilizar o poder de ch’i de um modo que irá apoiar você e beneficiar sua vida.

O Feng Shui de seu ambiente age como uma imagem de sua vida e suas várias circunstâncias refletida no espelho.

Ele enfatiza o conceito de tudo na vida estar inter-relacionado e ligado por uma série de ocorrências que, no conjunto, conduzem a um certo desfecho ou situação.

Essa teoria é também conhecida como teoria do karma, e é a coluna dorsal de todos os princípios de Feng Shui ensinados e desenvolvidos pelo ilustre professor Thomas Lin Yun.

Lembre-se: Sua casa espelha sua vida e os padrões de energia que você envia ao mundo. Tente decodificar as mensagens que sua energia lhe está enviando, pois oculto nesses sinais está um outro aspecto de quem você é, esperando para ser abraçado, reconhecido e transformado.

OS NOVE PRINCÍPIOS DO FENG SHUI

    1. Satisfaça as quatro condições (refere-se ao posicionamento da cama, escrivaninha e fogão segundo 4 condições)
    2. Explore a lei do antecessor (saiba quem possuiu o objeto ou imóvel em questão)
    3. Procure o equilíbrio (buscar o equilíbrio no desenho de seu espaço é como trazer conceitos da natureza para dentro de sua casa)
    4. Confie em sua intuição
    5. Reduza o entulho
    6. Os semelhantes se atraem
    7. Aumente os percentuais (identifique áreas faltando na planta ou a que você quer fortalecer e siga aplicando alguns ajustes)
    8. Use as 9 soluções fundamentais

 

      • luzes,
      • espelhos,
      • som,
      • força vital,
      • objetos pesados,
      • cores,
      • movimento,
      • objetos de poder
      • e água

 

    1. A manuntenção da casa é fundamental

 

Livro – Feng Shui: Harmonia dos Espaços de Nancy SantoPietro
“Vento e água” para você!

Om Ma Ni Pad Me Hum…


Recomendados


Comentário(s)

Carregar mais posts relacionados
Carregar mais em Feng Shui

4 Comments

  1. KG

    25 de novembro de 2009 at 11:39

    Sah!
    Td bem?
    Achei seu blog novamente!!! Havia perdido o link! :(
    Agora não perco mais!!!
    Td de bom!!!

    Reply

  2. Vinicius

    28 de novembro de 2009 at 1:07

    Oi. Tudo bem? Lembrei-me de ti hoje. É que fui numa livraria e havia o livro "Sou Viciada em Feng Shui." Na hora lembrei-me desta sua postagem e de ti. :)

    Abraço.

    Reply

  3. Twitted by RosangelaSabah

    15 de agosto de 2011 at 16:52

    […] This post was Twitted by RosangelaSabah […]

    Reply

  4. artesanatosandramidori@gmail.com'

    Sandra

    9 de outubro de 2016 at 10:41

    Ótimo artigo, li também o livro da Nancy SantoPietro recomendo.

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Também

Como manter a vida sexual ativa na terceira idade

Hoje vamos abordar sexualidade na terceira idade. Cerca de 90% dos casais na faixa etária …